sexta-feira, 25 de novembro de 2016

Uma daquelas histórias...


ou à janela no escuro a ouvir a coruja de cabeça vazia até ser difícil acreditar cada vez mais difícil de acreditar que alguma vez tivesses jurado amor a alguém ou alguém a ti até se tornar numa daquelas coisas que tu ias inventando para conter o vazio uma daquelas histórias para impedir que o vazio se viesse embrulhar num lençol.

[Samuel Beckett]

Sem comentários:

Publicar um comentário